INSCREVA-SE NO CANAL

Se você concorda que A vida está difícil no Japão para os japoneses, com certeza deve estar sentindo que a vida também mudou para os estrangeiros daqui.

Com o propósito de mostrar que algo precisa ser feito, o Jornal Mainichi publicou um levantamento feito pelo Sindicado Kyoto Sohyo.

O levantamento mostra que os salários da maior parte dos trabalhadores do país é insuficiente para uma vida normal.

Segundo o sindicato, o salário deveria acompanhar a faixa etária do trabalhador cujo os gastos mudam com o passar do tempo.

A analise do sindicato

A análise foi feita levando em consideração famílias compostas por quatro pessoas (duas crianças).

Assim sendo, uma família cujos pais tem de 30 a 39 anos deveria ter um Salário mensal de pelo menos ¥486 mil.

Famílias da mesma estrutura, com idades entre 40 e 49 anos, o Salário mensal deveria estar em ¥549 mil.

Já famílias de 50 a 59 anos, o montante deveria estar pelo menos em ¥707 mil.

Surpreendentemente o sindicato ainda tomou a liberdade de incluir valores necessários para lazer.

Gastos

Além dos gastos relacionados a moradia, alimentação, manutenção veicular, impostos e lazer, o levantamento incluí as variações dos gastos com educação durante o crescimento das crianças.

Segundo a Fundadora da fanpage “Viver e Trabalhar no Japão – Direitos e Deveres”, consultora e especialista em legislação trabalhista, previdenciária (Acordo da Previdência Social Brasil e Japão) e PME no Japão, Vanessa Handa,  os valores ainda devem levar em consideração outros aspectos.

Por exemplo: o local onde se vive influencia no calculo.

“Dependendo da região, os seguros são bem mais caros, seguros de saúde, carro, seguro de cuidados aos enfermos e idosos etc”, disse Vanessa.

E complementa: “se formos calcular todas as despesas (casa, filhos, seguros, escola, lazer, etc), acredito que o valor não seria tao diferente do pulicado”.

Já para Celso Taki, vice-presidente do Sindicato de Suzuka – Mie, disse que os trabalhadores sindicalizados somam apenas 17%  e que 40% tem contratos de trabalho Haken.

“Seus salários e benefícios são defasados. Como muitos vivem num período pós “boom” das greves por melhores condições de trabalho, os trabalhadores são bem mais passivos”, completou.

Inegavelmente o salário e benefícios aos trabalhadores são um direito e não um favor.

E você, o que acha do seu salário? Ele está dentro do previsto pelo sindicato? Deixe seu comentário!!

Também te convido a assistir o vídeo de Dicas para o Inverno no Japão.

Salário mensal de ¥500 – ¥700 mil por mês no Japão

Especiais |

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>