INSCREVA-SE NO CANAL

De fato Brasil e o Japão são dois países com diferenças enormes, culturais, econômicas e territoriais, mas ajuda as famílias existem em ambos (dadas as proporções).

Com a finalidade de mostrar uma das mais improváveis, vamos tentar mostrar como cada um lida com auxílios sociais para famílias com filhos.

O que é o Bolsa Família:

Com a finalidade de transferência direta de renda, o programa é direcionado às famílias em situação de pobreza e de extrema pobreza em todo o País e assim ajudar a superar a situação de vulnerabilidade e pobreza.

O programa busca garantir a essas famílias o direito à alimentação e o acesso à educação e à saúde, assim sendo, mais de 13,9 milhões de famílias são atendidas pelo Bolsa Família.

O que é o Jido teate (児童手当):

O auxílio infantil é concedido aos pais que têm filhos de 0 a 15 anos (até o ensino ginasial, ou chuugakkou), sendo assim, o valor depende do número de crianças e da idade delas.

Certamente que apenas por essas definições, vemos que os programas tem visões e beneficiários diferentes.

Quem pode participar do programa Bolsa Família:

É fato que população alvo do programa é constituída por famílias em situação de pobreza ou extrema pobreza.

As famílias extremamente pobres são aquelas que têm renda mensal de até R$ 89,00 por pessoa. Famílias pobres são aquelas que têm renda mensal entre R$ 89,01 e R$ 178,00 por pessoa. As famílias pobres participam do programa, desde que tenham em sua composição gestantes e crianças ou adolescentes entre 0 e 17 anos.

Para se candidatar ao programa, é necessário que a família esteja inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal, com seus dados atualizados há menos de 2 anos.

Quem pode participar do programa Jido Teate:

Para se beneficiar é preciso residir no Japão e fazer o requerimento na prefeitura ou subprefeitura da sua cidade.

Os beneficiários são filhos, de acordo com a faixa etária. Se o beneficiário (pai, mãe ou responsável), tiver uma renda superior ao limite estabelecido pelo governo, ainda assim, receberá o benefício no valor de 5 mil ienes.

Tipos de benefícios do Bolsa Família:

Benefício Básico:

Concedido às famílias em situação de extrema pobreza (com renda mensal de até R$ 89,00 por pessoa). O auxílio é de R$ 89,00 mensais.

Além do básico, existem vários outros, como o Benefício Variável, o Benefício Variável de 0 a 15 anos, o Benefício Variável à Gestante, o Benefício Variável Nutriz, o Benefício Variável Jovem, o Benefício para Superação da Extrema Pobreza e o Abono Natalino, com diversos valores.

Tipos de benefícios do Jido Teate:

 

Bolsa Família do Japão

Dependendo do número de crianças, cada prefeitura tem um valor para o benefício para o segundo filho em diante.

Em 2019, houve discussão quanto se famílias com rendas acima do máximo admitido pelo programa iriam continuar a receber o auxílio. Ficou definido que sim, devido ao aumento do imposto sobre o consumo.

O Bolsa Família é pago mensalmente enquanto o Jido Teate é pago 3 vezes aos ano, nos meses de fevereiro, junho e outubro.

Outra enorme diferença está nos valores pagos individualmente para os beneficiários.

Enquanto o Bolsa Família pagaria pouco mais de 18 mil reais se recebido por 17 anos.

No Japão, uma criança gera cerca de 65 mil reais (¥1.800.000) durante os 15 anos no programa.

Mesmo assim, ambos os programas ajudam da maneira com que se propõe aos seus respectivos objetivos.

Você já viu o vídeo sobre A Justiça é justa ou injusta no Japão?

Bolsa Família do Japão

Sem categoria |

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>